q

q

Seguidores

domingo, 1 de julho de 2007

DEVASTAÇÃO DA MATA ATLANTICA- UM PRESENTE PARA BLUMENAU: 100 km de mata ciliar salvos

Reproduzo a seguir texto que recebi do Germano Woehl Jr. do Instituto Rã-bugio. Valeu Germano e Elza, parabéns pelo trabalho de vocês e de todo o pessoal do Rã-Bugio.

UM PRESENTE PARA BLUMENAU E FUTURAS GERAÇÕES

Mais de 100 quilômetros de matas ciliares preservadíssimas (de rios, córregos e riachos da bacia hidrográfica do rio Itajaí) e com milhares de bichos salvos da devastação.

Nesta sexta-feira, concretizamos a compra de mais uma área preservada nas cabeceiras do rio Itajaí, que beneficia Blumenau, Itajaí e mais dezenas de municípios.


Já detemos mais de 200 hectares de Mata Atlântica, boa parte intocada (floresta primária), com árvores centenárias, nas cabeceiras do rio Itajaí, nos municípios de Itaiópolis e Santa Terezinha. Tudo está sendo transformada em RPPN – Reserva Particular do Patrimônio Natural, situação onde nunca mais poderá ser desmatada.

Se estas áreas não forem compradas, serão todas devastadas, como já está ocorrendo – de forma muito intensa. Poderosos devastadores (investidores em reflorestamento de pinus) estão comprando grandes extensões destas áreas preservadas para devastar em seguida. Graças às nossas ações, salvamos CONCRETAMENTE mais de 100 quilômetros de matas ciliares nos últimos dois anos. Para quem gosta de pensar em termos do número de árvores, devem ter sido salvas algo em torno de 10 milhões de árvores, considerando as mudinhas e árvores jovens e adultas.

Além da compra, evitamos que muitas áreas do entorno fossem devastadas com apoio do IBAMA-SC, POLÍCIA FEDERAL, POLÍCIA AMBIENTAL DE SC, MINISTÉRIO PÚBLICO ESTADUAL E FEDERAL. Conseguimos agir antes da ação criminosa dos devastadores. Seguem anexadas fotos de um exemplo, onde um devastador (procedente de Blumenau-SC) rasgou 7 quilômetros de estrada e iria devastar tudo para plantar pinus. Graças ao empenho dos fiscais do IBAMA-SC (de Florianópolis) que chegaram a tempo, a mata foi salva. No entanto, há dezenas de casos semelhantes e não temos como agir em todos estes casos.

QUANTO CUSTOU O INVESTIMENTO DESTE PROJETO?

Para compra das áreas, que somam mais de 200 hectares, foram utilizados recursos pessoais (dos dirigentes do Instituto Rã-bugio, das economias do casal Germano & Elza) e foram gastos cerca de R$ 100 mil. Observem que custa tão pouco para salvarmos estas últimas áreas preservadas de Mata Atlântica (que abrigam milhares de espécies de plantas e animais), que prestam um serviço tão essencial para a população.

Estamos buscando parcerias para comprar ainda neste ano uma área 4 vezes maior (parte com floresta primária – virgem) do entorno destas áreas já adquiridas e salvar mais algumas centenas de quilômetros de mata ciliar, milhares de animais (muitos dos quais da lista dos ameaçados de extinção), que se não forem compradas serão certamente destruídas, o que aumentará consideravelmente o risco de ocorrência de grandes tragédias em Blumenau a curto prazo, com enchentes e com a falta de água.


Instituto Rã-bugio para Conservação da Biodiversidade
Jaraguá do Sul, SC
http://www.ra-bugio.org.br/

2 comentários:

Rodrigo disse...

Oi, achei teu blog pelo google tá bem interessante gostei desse post. Quando der dá uma passada pelo meu blog, é sobre camisetas personalizadas, mostra passo a passo como criar uma camiseta personalizada bem maneira. Até mais.

Jocarlos disse...

Parabéns pela boa vontade desses dois grandes ambientalistas. Ainda bem que há pessoas como vocês, com ações benevolentes em prol da Natureza. Tenho uma vontade que me persegue desde pequeno, que é a de comprar um pedaço de terra aqui no RS e preservá-la através da criação de uma RPPN, realmente o valor dos campos "Sujos ou Ruins" (para plantio e gado) onde se encontram bastante mata e locais rochosos de imensa beleza, possuem um preço bem acessível. Parabéns.